Idioma

+18

Alguns posts desse Blog podem ser recomendado para maiores de 18 anos devido ao conteúdo explicito;

2 de dez de 2012

Contos Proibidos do Marquês de Sade

 Contos proibidos do Marquês de Sade, relembrando artes do passado por Francesco Castrelly episódio 77. Lembrando que nem tudo é fato algumas coisas se tratam de minha opinião então não fiquem ofendidos caso não concordem comigo.
 Tudo que uma pessoa precisa saber para conhecer o grande Marquês de Sade foi dito no post dos 120 dias de Sodoma (Leia e entenderá tudo) Depois volte aqui e leia o post. Pronto? Bem vamos começar. Apesar desse titulo que parece de um filme pornô, foi uma tradução bem adaptada digamos do filme do qual o titulo original é Quills. Quills significa "Pena" as que eram usadas para escrever, nos tempos de século XVIII, esse filme fez um notável sucesso, recebeu indicações ao óscar então vamos analisá-lo profundamente. Esse filme não é muito fácil de se achar tive que comprá-lo pela internet e não me arrependi.

 A História do filme é o seguinte. O Marquês de Sade, está na prisão devido seus livros obscenos que faziam um notável sucesso clandestino.  Mas devido sua influencia de Marquês e sua notável amizade com o padre Abbe, ele tem uma vida confortável na prisão, com cama, suas penas, sua mesa, e tudo que alguém poderia querer, ele se sentia em casa naquela prisão. O Padre achava que escrever era o melhor jeito de o Marquês passar seus pensamentos devassos para qualquer outro lugar que não fosse na vida real. O que ele não contava era que ele tinha uma cúmplice chamada Madelaine, que era uma jovem fascinada pelos escritos do tal que ajudava que suas histórias fossem publicadas mesmo dentro da prisão. Este episódio incomoda profundamente o Napoleão Bonaparte em pessoa que ordena que o executem, mas por sujestões ele prefere mandar um psiquiatra para curar o Marquês de sua suposta loucura. Royer, um doutor especializado nisso com métodos nada agradáveis de curar os loucos (Torturas e etc...) aceita o desafio e pretende ser uma pedra no sapato do Marquês.
 Roteiro: O Roteiro do filme é muito bom, e sei muito bem o que todos reclamaram. O Fato de o filme ser muito digamos "Bonitinho" para retratar um clima tão pervertido e sujo que era a vida do Marquês, e isso eu concordo, mas o filme conseguiu de uma maneira educada, de mostrar o lado do Marquês e isso eu admiro. O  filme insinua o lado Bissexual do Marquês, seus contos, e tem diversas cenas perfeitas, e um final nada feliz. O Roteiro merecesse uma nota boa sim.
Roteiro:10,0
 Atuações: Eis um ponto forte do filme, primeiramente gostaria de falar da atuação de Geoffrey Rush (De Piratas do Caribe) que interpretou o Marquês de Sade que é uma das melhores coisas do filme, ele consegue interpretar muito bem o lado louco e obsessivo do marquês, mostrando que não são as proibições que o farão parar de escrever, e consegue nos tocar mostrando que mesmo depois de tudo lhe ser tirado aos poucos ainda mesmo que precise usar métodos extremos para escrever ele continua escrevendo, não é atoa que esse filme lhe rendeu uma indicação ao óscar. Kate Winslet (De Titanic) também não faz feio, apesar de não ser uma das personagens mais interessantes do filme, seu papel em Titanic é obviamente mais interessante, mas aqui mostra muito bem seu amor pelo Marquês e ao mesmo tempo pelo Abade, falando nele que foi interpretado por Joaquin Phoenix (De Gladiador, é esse filme é cheio de ator conhecido) não faz feio em interpretar  o tal que ao mesmo tempo que quer mostrar que é um homem disposto a trocar tudo somente para servir a deus, ainda sim tem suas tentações e desejos embora as vezes soe meio exagerado, sei lá. Michael Caine ao fazer o Doutor Roland nunca pensei que eu o odiaria depois de adorar seu lado paterno nos filmes do Batman, o que prova que ele é ótimo ator, o lado hipócrita do Doutor é facilmente notável ao casar com uma mocinha de 16 anos, e sentir um ódio meio que pessoal pelo Marquês.
Atuações:10,0
Visual: O Século XVIII muito bem mostrado neste filme, destaque para roupa escrita do Marquês, que deve ter dado um trabalho danado. 
Visual: 10,0
 Musica: Apesar de não ser a coisa que mais chama atenção nesse filme é muito boa.
Musica: 8,0
Média Geral: 10,0 Esse filme não é o primeiro do Marquês de Sade tivemos o filme De Sade, (O Insaciável Marquês de Sade no Brasil) mas sem duvidas é um dos melhores e mais conhecidos. Confiram. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagens populares

Detonado Completo do Manhunt

Detonado Completo do Manhunt
Detonado completo do Manhun (Para ver os primeiros clique em postagens antigas)

Edvander Santos

Edvander Santos
Aqui alguns videos meus tocando guita